Resenha

É muito importante a distinção entre as várias manifestações clínicas das infecções pelo vírus herpes simples e pelo vírus herpes zóster. Ambas as infecções pelo vírus herpes simples e pelo vírus herpes zóster caracterizam-se pela presença de múltiplas vesísulas.

 Herpes simples - HS

Um aspecto característico da infecção pelo vírus herpes simples é que, em seguida à infecção primária da pele ou membranas mucosas, os vírus entram em um estado de latência ou de adormecimento no interior das células nervosas nos gânglios. Com a reativação, o vírus desloca-se para baixo ao longo da fibra nervosa para produzir a infecção cutânea recorrente.

A infecção primária é mais grave que a infecção recorrente. Vesículas e úlceras dolorosas ocorrem em áreas mucocutâneas , como boca, faringe, cérvix e genitália externa; podem ser localizadas, mas encontram-se frequentemente disseminadas, envolvendo toda a boca ou áreas extensas da genitália. Acompanham as manifestações citadas, febre mal estar geral.

As infecções recorrentes geralmente ocorrem na mesma área de pele anteriormente acometida, é precedida por formigamento, queimação ou disestesias, seguidas pelo aparecimento de vesículas agrupadas e pústulas.

Veja - Estudo de caso - Encefalite focal por vírus herpes simples.

 Herpes zóster - HZ

O herpes zóster é um doença localizada caracterizada por uma dor radicular unilateral e uma erupção vesicular que está limitada a região do único gânglio sensitivo espinhal ou craniano acometido (dermátomo). O HZ é resultante da reativação do vírus que se manteve em estado latente no interior do gânglio após uma infecção com varicela (catapora) que pode ter ocorrido na infância. Vários dias antes da manifestação cutânea, ocorre na região dor e parestesia.

Um aspecto distintivo do herpes zóster é a localização e a distribuição da erupção, que geralmente é unilateral, não cruza a linha média, e está limitada à área da pele enervada por um único gânglio sensitivo. Nos indivíduos com baixa imunidade pode ocorrer disseminação da doença.

Veja mais sobre -  Herpes zóster

Referências:

Pereira FA - Herpes simplex: evolving concepts. J Am Acad Dermatol. 1996;35:503-520.

McCrary ML, Serverson J, Tyring SK - Varicella zoster virus. J Am Acad Dermatol. 1999;41:2-14.





Medicina Prática - TUDO SOBRE MEDICINA


Saudegeriatrica.Com.Br® 2009 - 2017 - Desenvolvido por Dinamicsite